Serasa abre Feirão Limpa Nome com descontos até 99% a endividados no Ceará

0
Último dia de atendimento presencial do Feirão Limpa Nome da Serasa em 2021, em Fortaleza, teve movimento intenso. — Foto: Reprodução

Período para realização é até 31 de março, preferencialmente on-line; 38% dos adultos no estado estão inadimplentes.

A Serasa iniciou o Feirão Limpa Nome emergencial e até dia 31 de março deste ano oferece descontos até 99% para os cearenses quitarem dívidas. As ofertas de bancos, empresas de telecomunicações, lojas do varejo e universidades estarão disponíveis preferencialmente nos canais digitais da empresa, nos quais a negociação pode ser realizada em até três minutos.

Os descontos podem ser obtidos de quatro formas diferentes:

  • Pelo App Serasa, disponível no Google Play e na App Store ;
  • Por meio de ligação gratuita pelo telefone 0800 591 1222 ;
  • Ou pelo WhatsApp (11) 99575-2096 ;

Caso prefira atendimento presencial, consumidor pode buscar agências dos Correios, com taxa de R$ 3,60.

Ao todo, 2.616.702 pessoas estão em situação de inadimplência no estado, das quais 1.070.879 moram em Fortaleza. No Ceará, a Serasa estima que 38% da população acima de 18 anos de idade está inadimplente. O índice é o quarto maior da região Nordeste, cujos consumidores só são menos endividados do que os adultos de Pernambuco (41,10%), Sergipe (40,16%) e Maranhão (38,06%).

O valor médio das dívidas por inadimplentes no Ceará é de R$ 3.294,72. Esse valor dos endividamentos cearenses aparece como o quarto maior da região e mais de R$ 1 mil a mais do que a média do Brasil (R$ 2.449,00).

Aplicativo da Serasa pelo qual podem ser feitas negociações do Feirão Limpa Nome emergencial. — Foto: Reprodução

Segundo a Serasa, no Ceará, as dívidas foram contraídas, principalmente, por bancos e cartões de crédito (33,6%). Recentemente, as contas de água, luz e gás, consideradas básicas, vêm crescendo e somam 22,1% do total; já as compras no varejo totalizam 11,6%.

Somadas todas as dívidas dos cearenses, conforme a empresa, os valores dão R$ 8,6 bilhões; o terceiro do nordeste. Bahia (R$ 12,4 bi) e Pernambuco (R$ 9,7 bi) completam o topo do ranking.

Por g1 CE

Postar um comentário

0Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Aceitar !) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !