Jovem morto a tiros em Araripe e idoso de 90 anos por espancamento em Barbalha

Talles foi morto a tiros esta noite em frente a um bar no centro de Araripe (Foto: Reprodução/Redes sociais)

Os homicídios foram registrados entre a tarde e noite desta quarta-feira (10) na região do Cariri.

Dois homicídios registrados entre a tarde e noite desta quarta-feira na região do Cariri, sendo um com arma de fogo em Araripe e outro por espancamento em Barbalha. Por volta das 20 horas o agricultor Francisco Talles da Silva que, dia 17 completaria 30 anos e residia na Avenida Vicente Alencar Barbosa (Bairro Sipauba) em Araripe, foi morto a tiros. O crime aconteceu quando o mesmo se encontrava em frente ao Bar Point do Frango Assado na Rua do Comércio no centro da cidade.

Segundo testemunhas, dois homens se aproximaram dele numa motocicleta Honda CG 150 de cor azul e efetuaram vários disparos causando sua morte no local sem tempo para socorro médico-hospitalar. Uma patrulha da PM com o Cabo Alencar e os Soldados Barbosa e Rafael ali estiveram adotando as providências e até diligenciaram sem o êxito de prender a dupla assassina. Talles seria usuário de drogas e não respondia procedimentos criminais.

Antes, por volta das 16h30min, deu entrada sem vida no Hospital São Vicente de Paulo de Barbalha o aposentado Florentino Jacinto da Cruz, de 90 anos, que residia na Vila dos Cruz no Sítio Estrela na zona rural daquele município. Dias antes tinha sido espancado com golpes de capacete que o atingiram, principalmente na perna e até esteve internado. O idoso recebeu alta e, ontem, voltou a passar mal quando foi levado de volta ao hospital, porém já chegou sem vida. O caso será investigado pela Polícia Civil.

No caso de Barbalha foi o primeiro homicídio do mês de novembro e o 14º do ano no município ou 93,33% em relação aos 15 assassinatos registrados no decorrer do ano passado. Com relação a Araripe, também foi o primeiro homicídio deste mês e o sexto do ano ou 50% a mais que os quatro assassinatos registrados ano passado. Hoje completa um mês que os irmãos Antonio Jordão da Silva, de 24, e José Jordão da Silva, de 27 anos, foram mortos a tiros em Araripe.

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !