Com afastamentos, Câmara de Juazeiro prepara posse de vereador que passou 13 anos como suplente

Legenda: Romão França (PTB) é o suplente de vereador desde 2004. Ele vem participando das eleições desde então, com intervalo em 2016 - Foto: Reprodução/Facebook

Por decisão judicial, foram afastados três parlamentares, dentre eles o presidente e o vice do Legislativo

Com o afastamento de três vereadores de Juazeiro do Norte após operação da Polícia Civil contra esquema de jogo do bicho, nesta quinta-feira (18), os suplentes dos parlamentares se preparam para tomar posse na semana que vem. Entre eles, Romão França (PTB) que tenta o cargo no Parlamento desde 2004 e está na suplência há 13 anos, ausente apenas de 2017 a 2020.

Por uma decisão judicial, foram afastados do cargo Darlan Lobo (PTB), presidente da Câmara; Capitão Veira (PTB), vice-presidente, e Beto Primo (PSDB). O afastamento é de no mínimo 180 dias, podendo ser prorrogado pela Justiça. 

Em meio às suspeitas, apenas um dos vereadores se manifestou, e negou participação na exploração do jogo do bicho na região do Cariri.

De acordo coma a assessoria jurídica da Casa, na próxima terça-feira (23) os suplentes serão convocados. A decisão do dia da posse, no entanto, cabe ao atual presidente, vereador William Bazílio (PMN), que assume o Legislativo Municipal de forma interina. 

A expectativa é de que os suplentes tomem posse até o final da próxima semana. Todos eles têm histórico de tentativas de exercer o cargo de vereador no município. 

Legenda: Auricélia Bezerra (PTB), Jesualdo Duarte (PSDB) e Romão França (PTB) devem tomar posse na semana que vem - Foto: Reprodução/Facebook

SUPLENTES

Romão frança (PTB) é o suplente de vereador desde 2004. Ele vem participando das eleições desde então e agora vai ocupar uma vaga na Câmara de Juazeiro. Das últimas cinco eleições, ele não disputou apenas a de 2016. 

França havia assumido uma subprefeitura regional em Juazeiro, ainda em 2010, no governo de Dr. Santana (PT). Entre 2016 e 2020, foi secretário de desenvolvimento Agrário na gestão do ex-prefeito Arnon Bezerra (PTB).

O vereador faz parte do grupo político do governador Camilo Santana (PT) e ainda não se posicionou sobre ser oposição ou base na Câmara. " A intenção é construir uma agenda positiva e propositiva, apresentar o pouco espaço para construir um projeto popular, com inclusão", disse. 

Também do PTB, Auricélia Bezerra foi vereadora de 2016 a 2020, e ficou na suplência ao tentar reeleição. 

No PSDB, Jesualdo Duarte se candidatou ao cargo em 2016 e 2020, e agora assegura o exercício do mandato por até 180 dias como suplente. 

Legenda: Até a tarde desta sexta-feira (19), o Capitão Vieira (PTB) foi o único entre os afastados que se manifestou sobre o assunto. - Foto: Reprodução/Instagram

DEFESA

Até a tarde desta sexta-feira (19), Capitão Vieira (PTB) foi o único entre os afastados que se manifestou sobre o assunto. Ao Diário do Nordeste, ele se defendeu das acusações e negou fazer parte da exploração do jogo do bicho na região. 

"Não foi apreendido dinheiro, arma ou joia, não foi apreendido nada na minha casa. Não tem nenhum equipamento relacionado a jogo na minha casa. Estou tomando conhecimento do processo, nós não tínhamos tido acesso", disse o parlamentar. A decisão judicial que elenca possíveis crimes praticados corre em segredo de Justiça.

O parlamentar disse ainda que irá entrar com processo para recorrer da decisão e reaver o cargo na Câmara. 

Segundo as autoridades policiais, foram cumpridos 97 mandados judiciais contra 52 investigados de envolvimento em suposta organização criminosa. A ação contou com 203 policiais espalhados nas cidades de Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha, Várzea Alegre e Fortaleza.

Segundo a polícia, as investigações apontaram que os 52 investigados movimentaram mais de R$ 400 milhões no período de 2014 a 2020. 

Entre os crimes investigados estão fraudes à licitação e outros crimes contra a administração pública no município de Juazeiro do Norte, entre 2014 a 2020. 

OPERAÇÃO PÚBLIO VATÍNIO:

  • 43 mandados de busca e apreensão;
  • Cinco de medidas cautelares diversas da prisão (monitoramento eletrônico);
  • Seis de afastamento das funções públicas (vereadores e servidores públicos);
  • 43 mandados de sequestro criminal para apreender veículos, imóveis, bloqueio de contas bancárias e fundos de investimento. 

Escrito por Felipe Azevedo/Diário do Nordeste

 

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !