Indústriário juazeirense morre após acidente entre Crato/Nova Olinda no qual bebê teve perna amputada

Velório de Raimundo Nonato acontece na Rua da Paz, 998 no bairro Romeirão (Foto: Reprodução)

Na noite de domingo ele se envolveu em um acidente de trânsito na CE-292.

O industriário Raimundo Nonato do Nascimento Oliveira, de 20 anos, que residia na Rua Jaime Dorcy (João Cabral) em Juazeiro do Norte, morreu por volta das 14 horas desta terça-feira num dos leitos do Hospital Regional do Cariri. No início da noite de domingo ele se envolveu num acidente de trânsito na CE-292 entre os municípios de Crato e Nova Olinda. Em cima da Serra do Araripe ocorreu a colisão de sua moto com uma caminhonete D-20.

O mesmo vinha na direção de Crato pilotando sua moto na qual estavam na garupa a esposa e um bebê de apenas seis meses, filho do casal. O motorista do carro viajava em sentido contrário, permaneceu no local do acidente e disse aos militares da Polícia Rodoviária Estadual que o motoqueiro tinha derivado pela contramão. Ele acrescentou que ainda tentou desviar, mas não deu. Segundo testemunhas, Raimundo desenvolvia alta velocidade na rodovia estadual e a mãe ainda estaria amamentando o bebê.

Os três foram socorridos a hospitais da região do Cariri e a mãe já recebeu alta, enquanto o bebê amputou uma das pernas e segue internado no Hospital São Vicente de Paulo de Barbalha. Raimundo Nonato não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu dois dias depois no HRC. O seu velório acontece na Rua da Paz, 998 no bairro Romeirão com sepultamento marcado para esta tarde no Cemitério do Socorro em Juazeiro.

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !