Filho e pai atiram em dupla no Juazeiro afirmando que seriam sequestrados

Disparos aconteceram na Rua Comerciante João Alves Silva no bairro Triângulo (Foto: Reprodução)

Ambos foram abordados pela polícia nas imediações da Praça do Triângulo, sendo presos e autuados por tentativa de homicídio.

Disparos de arma de fogo com lesão corporal à bala levaram uma Patrulha do Policiamento Ostensivo Geral (POG) com o Sargento Jucier, o Cabo Carlos Magno e o Soldado Alex Alves até à Rua Comerciante João Alves Silva (Triângulo) em Juazeiro na tarde desta quarta-feira. Chegando ao local os PMs nada encontraram, mas logo souberam que Wanderson Lacerda da Paz Silva, de 25 anos, residente naquele bairro, tinha dado entrada no Hospital Regional do Cariri com uma lesão no tórax.

Um amigo seu no caso Josimar Ferreira Silva, de 24 anos, que mora no Jardim Gonzaga, tinha sido atingido levemente e já se encontrava na 20ª Delegacia Regional de Polícia Civil informando sobre o atentado. Eles apontaram como autor dos disparos Rafael da Paz Bezerra dos Santos, de 25 anos, residente no bairro Triângulo, o qual, após discussão, sacou a arma e atirou. Já Rafael e o seu pai Manoel Hugo Bezerra dos Santos, de 53 anos, disseram que estavam em seu veículo e a dupla tentou sequestrá-los.

Pai e filho foram abordados pela polícia nas imediações da Praça do Triângulo e o rapaz ainda reagiu à prisão. As vítimas disseram ainda que Manoel Hugo tinha envolvimento no atentado à bala, sendo ambos presos e autuados por tentativa de homicídio. Inclusive, o Auto de Prisão em Flagrante (APF) de ambos foi protocolado na manhã desta quinta-feira junto à 1ª Vara Criminal da Comarca de Juazeiro.

OUTROS – Dias antes houve disparos de arma de fogo na Rua Osana Pereira (João Cabral), onde um homem de 47 anos, ali residente, disse ter ouvido o barulho de uma moto e sete disparos os quais atingiram sua porta. Na tarde de segunda-feira um usuário de drogas e com problemas mentais estava causando desordens e prometendo atear num terreno baldio perto de umas casas na Rua Todos os Santos no mesmo João Cabral.

Os filhos do dono do terreno ali chegaram num Fiat Fiorino branco e lesionaram a vítima com uma facada no braço esquerdo, nas costas e com uma pedrada na cabeça os quais não foram localizados. Já na madrugada de ontem, porém no cruzamento da Avenida Castelo Branco com a Rua Santa Isabel (Pirajá), houve disparos de arma de fogo e um homem foi alvejado. A vítima de 32 anos terminou socorrida pelo SAMU ao Hospital Regional do Cariri.

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !