Forro desaba e casa fica inundada 2 dias após entrega de unidades habitacionais que contou com a presença de Bolsonaro em Juazeiro do Norte

Proprietária relata que residência foi entregue com forro mal colocado, vazamento e rachaduras nas paredes — Foto: TV Verdes Mares/Reprodução

Cerimônia de entrega das chaves de quase 2,8 mil casas populares na Região do Cariri aconteceu na última sexta-feira (13).

https://f5cariri.tumblr.com/post/659682165355839488/forro-desaba-e-casa-fica-inundada-2-dias-ap%C3%B3s

O forro do teto de uma das residências do programa Casa Verde Amarela desabou e o imóvel ficou inundado na noite deste domingo (15), dois dias após a entrega do empreendimento em Juazeiro do Norte, no interior do Ceará, pelo presidente Jair Bolsonaro. A cerimônia de entrega das chaves de quase 2,8 mil casas populares na Região do Cariri aconteceu na última sexta-feira (13).

Conforme Raquel Gonçalves, proprietária da residência atingida, a família se mudou para o local na tarde de sábado (14). No domingo à noite, por volta das 19h30, quando a mãe dela estava deitada em um dos quartos, o forro caiu e uma "cachoeira de água" vazou pelo teto. Um vídeo gravado por ela mostra a situação do local após o ocorrido (veja vídeo acima).

"Minha mãe estava deitada no quarto dela quando escutou um estrondo e começou uma cachoeira de água. O teto caiu, a casa ficou alagada, minha mãe ficou muito assustada, com a pressão baixa, aí ela correu, se trancou no banheiro e gritou pedindo ajuda", relata.

A idosa, segundo a filha, foi socorrida pelos vizinhos que ouviram os pedidos de socorro. A mulher não ficou ferida. Já os cômodos da casa e os móveis novos comprados pela família foram danificados pela água. "Uma casa tão esperada. Era o sonho da casa própria que acabou virando pesadelo pra gente", disse Raquel.

Ainda de acordo com a proprietária, várias irregularidades foram constatadas na residência depois da mudança da família. Além dos vazamentos e do forro mal colocado, também existem rachaduras nas paredes do imóvel.

A mulher afirma que após o ocorrido foi até a sede da construtora responsável pela obra, mas quando chegou ao local encontrou apenas dois vigilantes. "Chamei eles para olharem o que estava acontecendo e eles me falaram que eu não era a primeira pessoa a procurar a construtora com problemas na casa", disse.

Bolsonaro visitou o Ceará na última sexta-feira (13) para participar da entrega de casas populares em Juazeiro do Norte — Foto: Thiago Gadelha/SVM

Por G1 CE

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !