Membro de facção criminosa procurado da justiça de Várzea Alegre-CE é preso na Bahia durante fuga para o estado de São Paulo

Após ser capturado, “Zói de Gato”, foi conduzido para a Delegacia Territorial de Jequié/BA, em seguida encaminhado ao conjunto penal da cidade onde aguarda para ser recambiamento para o Ceará.. Foto: Redes sociais

Jonas Silva de Sousa, o “Zói de Gato”, de 20 anos possui seis mandados de prisão cinco deles por homicídio consumado e tentado e outro por integrar organização criminosa.

Um homem procurado pela Justiça de Várzea Alegre-CE apontado como suspeito de ser integrante da facção criminosa GDE e de cometer homicídios e tentado, foi preso Polícia Rodoviária Federal, com o apoio da Polícia Militar da Bahia, no município baiano de Jequié.

O foragido da Justiça Jonas Silva de Sousa, vulgo “Zói de Gato”, de 20 anos, estaria fugindo em um ônibus clandestino, com destino a São Paulo/SP. Policiais Civis da delegacia Municipal de Várzea Alegre ao descobrirem a fuga, passaram a monitorar o veículo e, com o apoio do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas do Cariri, repassaram as informações para a Polícia Rodoviária Federal, que junto com a PM baiana efetuou a prisão. Após ser capturado, “Zói de Gato”, foi conduzido para a Delegacia Territorial de Jequié/BA, em seguida encaminhado ao conjunto penal da cidade onde aguarda para ser recambiamento para o Ceará.

O infrator viajava junto com a namorada Maria Leticia Oliveira de Carvalho, de 20 anos e os comparsas Antonio Claudeon Moreira da Silva, de 24 anos e Eriberto de Souza Santos de 18 anos. Durante a ofensiva foram apreendidos um revólver calibre 38 e 12 munições do mesmo calibre. Na delegacia foi lavrado auto de prisão em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo em concurso de agentes ( artigo 14 da Lei 10.826/2003 c/c artigo 29 do CP).

Na ocasião, a Delegacia Municipal de Várzea Alegre/CE entrou em contato com a Delegacia Territorial de Jequié/BA, enviando 06 mandados de prisão (05 após cometimento de crime de homicídio consumado e tentado e 01 por integrar organização criminosa), expedidos pela Comarca de Várzea Alegre/CE, em desfavor de “Zói de Gato”, sendo dado o devido cumprimento. Segundo as investigações, Zói de Gato era o chefe da facção criminosa GDE, na cidade de Várzea Alegre.

Após conclusão de vários inquéritos policiais, foi constatado que o mesmo foi executor e mandante de 05 homicídios, bem como ficou constatado que foi um dos mandantes na época que a cidade sofreu ataques criminosos da facção GDE.

Fonte; Agência Cariri Ceará

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !