Abaiara tem situação de emergência reconhecida após chuvas destruírem pontes e estradas

Legenda: O decreto de reconhecimento de desastre natural foi publicado nesta quarta-feira (7), no Diário Oficial da União - Foto: Divulgação

O Ceará tem atualmente 19 municípios com decretos de situação de emergência vigentes por seca ou estiagem, e todo o Estado permanece em calamidade pública em decorrência da pandemia de Covid-19

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil reconheceram a situação de emergência no município de Abaiara, na região do Cariri cearense, por excesso de chuva. O decreto de reconhecimento de desastre natural foi publicado nesta quarta-feira (7), no Diário Oficial da União.

De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), Abaiara registrou duas chuvas intensas em 48 horas, em março passado. A primeira foi de 145 mm, no dia 13; e a segunda, no dia 14, de 130 mm. Ambas foram as maiores precipitações do Ceará, naquelas datas.

A cidade é a única do Ceará em situação de emergência devido a chuvas intensas.

Patrick Martins, engenheiro civil da Prefeitura de Abaiara, disse que “os prejuízos estimados foram em torno de R$ 600 mil na infraestrutura do município e as chuvas causaram a destruição de pontes, estradas vicinais e de passagens molhadas”.

Ainda de acordo com Martins, foram realizados serviços emergenciais para possibilitar o trânsito de pessoas e escoamento da produção agrícola em vias rurais. “O município aguardava esse reconhecimento nacional para obter recursos e reconstruir as obras destruídas pelas chuvas”, explicou.

“Uma ou duas chuvas que ocorrem de forma intensa e em curto espaço de tempo podem resultar em desastre, destruição de infraestrutura urbana e rural”, pontuou a coordenadora da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), Ioneide Araújo.

“Foi o que ocorreu em Abaiara que teve um relatório técnico bem elaborado e, por isso, foi reconhecido pela Defesa Civil Nacional”, acrescentou.

Legenda: Segundo a prefeitura, foram realizados serviços emergenciais para possibilitar o trânsito de pessoas e escoamento da produção agrícola em vias rurais - Foto: Divulgação

CIDADES EM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Segundo a Cedec, atualmente o Ceará tem 19 municípios com decretos vigentes em situação de emergência por estiagem ou seca, reconhecidos nos âmbitos estadual e federal.

SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA POR SECA

  • Campos Sales
  • Cedro
  • Deputado Irapuan Pinheiro
  • Itapajé
  • Itatira
  • Jaguaretama
  • Madalena
  • Milhã
  • Mombaça
  • Monsenhor Tabosa
  • Parambu
  • Pereiro
  • Quixeramobim
  • Solonópole

SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA POR ESTIAGEM

  • Hidrolândia
  • Jaguaribara
  • Morada Nova
  • Quixadá
  • Salitre

Ainda segundo a Cedec, todos os 184 municípios cearenses estão sob decreto estadual de calamidade pública em decorrência da pandemia do novo coronavírus.

Escrito por Honório Barbosa/Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !