Novo decreto amplia funcionamento de templos e igrejas para 35% da capacidade no Ceará

Legenda: Distanciamento social é seguido em templo da Assembleia de Deus no Montese. - Foto: Almir Gadelha

Em decretos anteriores, a liberação era de 25%. Apenas a Região do Cariri segue com restrições.

O novo decreto publicado pelo Governo do Ceará, na noite do último sábado (29), permite celebrações religiosas presenciais com 35% da capacidade nas regiões de saúde de Fortaleza, Sobral, Litoral Leste/Jaguaribe e Sertão Central. Desde o início de maio, a permissão era para até 25% da capacidade.

A região do Cariri segue com restrições porque, embora tenha havido uma redução da taxa de transmissão do vírus, aumentou a demanda de Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e de leitos de UTI e Enfermaria.

Segundo o decreto, as instituições religiosas devem respeitar as regras estabelecidas em protocolos sanitários. Contudo, também mantém "a recomendação para que as celebrações permaneçam sendo realizadas exclusivamente da forma virtual".

Legenda: Igreja de Fátima tem desinfecção de bancos entre celebrações eucarísticas. - Foto: Almir Gadelha

Os templos também poderão promover celebrações presenciais até 21h, de segunda a domingo.

Para o pastor Danilson Castro, da Assembleia de Deus do Montese, a alegria de poder receber mais pessoas no templo se divide com a responsabilidade de manter os protocolos sanitários contra a Covid-19.

Tudo que é orientação estamos cumprindo: máscara, distanciamento, álcool em gel. Também aproveitamos os momentos de preleção para orientar a comunidade sobre os cuidados"

O pastor afirma que a pandemia tem trazido medo e sofrimento para muitas pessoas, mas que "estar conectado espiritualmente, enquanto ente em Deus, faz com que a pessoa consiga sobreviver melhor a esses tempos".

RETORNO ESPERADO

Lídia Braga, analista de departamento pessoal, considera "gratificante" poder retornar aos cultos presenciais. "Passamos mais de um ano longe, e as pessoas estão mais necessitadas de encontro, mesmo sem contato. Só em estar no local é muito importante para todo mundo", percebe.

Fiéis da Igreja Católica também aprovam o retorno presencial. Uma delas, Laís Diniz, comemora a volta ao Santuário de Fátima, uma das principais igrejas de Fortaleza, onde são realizadas cinco missas apenas no domingo

Legenda: Laís Diniz celebra volta presencial à igreja. - Foto: Almir Gadelha

“Fico feliz porque era acostumada a missas nas redes sociais para obedecer ao isolamento. Agora, podemos participar da eucaristia presencial, que é nosso alimento espiritual. Devagarinho, as portas vão se abrindo para toda a comunidade”

MUNICÍPIOS DA MACRORREGIÃO DE FORTALEZA:

Acarape, Amontada, Apuiarés, Aquiraz, Aracoiaba, Aratuba, Barreira, Baturité, Beberibe, Capistrano, Cascavel, Caucaia, Chorozinho, Eusébio, Fortaleza, General Sampaio, Guaiuba, Guaramiranga, Horizonte, Itaitinga, Itapajé, Itapipoca, Itapiúna, Maracanaú, Maranguape, Miraíma, Mulungu, Ocara, Pacajus, Pacatuba, Pacoti, Palmácia, Paracuru, Paraipaba, Pentecoste, Pindoretama, Redenção, São Gonçalo do Amarante, São Luís do Curu, Tejuçuoca, Trairi, Tururu, Umirim e Uruburetama

MUNICÍPIOS DA MACRORREGIÃO DE SOBRAL:

Ararendá, Acaraú, Alcântaras, Ararendá, Barroquinha, Bela Cruz, Camocim, Cariré, Carnaubal, Catunda, Chaval, Coreaú, Crateús, Croatá, Cruz, Forquilha, Frecheirinha, Granja, Graça, Groaíras, Guaraciaba do Norte, Hidrolândia, Ibiapina, Independência, Ipaporanga, Ipu, Ipueiras, Irauçuba, Itarema, Jijoca de Jericoacoara, Marco, Martinópole, Massapê, Meruoca, Monsenhor Tabosa, Moraújo, Morrinhos, Mucambo, Nova Russas, Novo Oriente, Pacujá, Pires Ferreira, Poranga, Quiterianópolis, Reriutaba, Santa Quitéria, Santana do Acaraú, São Benedito, Senador Sá, Sobral, Tamboril, Tianguá, Ubajara, Uruoca, Varjota, Viçosa do Ceará

MUNICÍPIOS DA MACRORREGIÃO DO SERTÃO CENTRAL:

Aiuaba, Arneiroz, Banabuiú, Boa Viagem, Canindé, Caridade, Choró, Ibaretama, Ibicuitinga, Itatira, Madalena, Milhã, Parambu, Paramoti, Pedra Branca, Quixadá, Quixeramobim, Senador Pompeu, Solonópole, Tauá

MUNICÍPIOS DA MACRORREGIÃO DO LITORAL LESTE/JAGUARIBE:

 Alto Santo, Aracati, Ererê, Fortim, Icapuí, Iracema, Itaiçaba, Jaguaretama, Jaguaribara, Jaguaribe, Jaguaruana, Limoeiro do Norte, Morada Nova, Palhano, Pereiro, Potiretama, Quixeré, Russas, São João do Jaguaribe, Tabuleiro do Norte

Fonte; Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !