Right

items



Kirim

Governo do Ceará abre mais de 11 mil vagas para qualificação profissional no estado

Governadora Izolda Cela anunciou novas vagas em solenidade de certificação do Programa Primeiro Passo, realizada nesta sexta (24). — Foto: Governo do Ceará/Divulgação

Oportunidades são voltadas a jovens de todos os municípios cearenses. Governo prevê, ao todo, mais de 26 mil vagas de capacitação à população neste ano.

A governadora Izolda Cela (PDT) lançou 11.315 novas vagas de qualificação profissional para todos os municípios do Ceará. O anúncio ocorreu nesta sexta-feira (24), em solenidade de certificação de 3.416 jovens do Programa Primeiro Passo, da gestão estadual.

Ao todo, 6.875 vagas serão dirigidas ao programa "Primeiro Passo", que engloba as linhas de ação Jovem Bolsista, Jovem Estagiário e Jovem Aprendiz. As 4.440 restantes são relacionadas ao "Criando Oportunidades".

Segundo a chefe do Executivo, o estado tem obrigação de dar oportunidades à juventude, essencial para uma sociedade melhor. "Essa fase é um tempo definitivo, por isso nosso esforço tem sido que os jovens tenham uma boa escola, bem como preparação para o mundo de trabalho. É preciso sonhar e ter energia para realizar sonhos", afirmou, agradecendo, ainda, às instituições parceiras do programa.

O evento, ocorrido no Palácio da Abolição, em Fortaleza, também contou com a presença da titular da Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), Onélia Santana, e a ex-secretária da pasta, Socorro França; a defensora-geral do Ceará, Elizabeth Chagas, e outras autoridades.

Cursos

Com 222 novas turmas, o Criando Oportunidades oferece cursos de formação sobre mercado de trabalho, empregabilidade e ética profissional; empreendedorismo; e direitos sociais, cidadania e meio ambiente. Entre as áreas atendidas estão:

  • Apoio educacional;
  • Artesanato e Design;
  • Beleza e cuidados ocupacionais;
  • Confecção de vestuário;
  • Construção civil;
  • Gastronomia;
  • Gestão e Negócios;
  • Informática;
  • Mecânica.

Já o Primeiro Passo é dividido de três formas:

  • Jovem Bolsista: voltado para capacitação de jovens entre 15 e 29 anos, em situação de risco e/ou vulnerabilidade social;
  • Jovem Aprendiz: voltado para jovens entre 15 e 24 anos que estejam cursando os ensinos fundamental ou médio ou sejam egressos da rede pública.
  • Jovem Estagiário: voltado para jovens de 16 a 21 anos, estudantes do 1º ou do 2º ano do ensino médio.

No Jovem Bolsista, os participantes recebem lanche, material didático, fardamento e bolsa capacitação de R$ 100 mensais por três meses. A qualificação profissional dura 240 horas e é ofertada em parcerias com municípios e associações de cada localidade.

Já no Jovem Aprendiz, os cursos têm carga horária de 1.280 horas, dividas entre aulas e atividades práticas em empresas privadas, realizadas entre 11 e 16 meses.

No Jovem Estagiário, o processo é feito por meio de oficinas voltadas para o mercado e encaminhamentos para empresas públicas e privadas. Os estudantes são remunerados pelas companhias e acompanhados no programa, nas atividades práticas e escolares.

Distribuição das vagas

O programa Primeiro Passo terá formas distintas de distribuição de vagas. Na linha Jovem Bolsistas, haverá 123 turmas. Já as vagas da linha Jovem Aprendiz serão determinadas a partir da demanda das empresas. As secretarias de Proteção Social dos municípios ficam responsáveis pelos encaminhamentos junto aos programas

O governo estadual informou que ofertará, ao longo deste ano, mais de 26 mil vagas de capacitação profissional aos cearenses. Além dos dois programas, serão abertas vagas no programa Superação, além dos Complexos Sociais Mais Infância, Centros de Inclusão Tecnológica e Social e também no Parque Dom Aloísio Lorscheider.

A titular da SPS, Onélia Santana afirmou que, até o fim do ano, haverá mais de 40 mil jovens qualificados unindo todos os programas da pasta.

Como se inscrever

Em Fortaleza, interessados em participar das linhas Jovem Estagiário e Jovem Aprendiz devem se inscrever no site da SPS para concorrer às vagas. Já residentes do interior devem buscar as secretarias municipais de assistência social para outras informações.

Por g1 CE

0/Post a Comment/Comments

Nos Stories

Cabeçalho dentro post 01

Cabeçalho dentro post 02