Ex-assessor de Pâmella Holanda presta queixa contra a influencer por suposta homofobia e assédio moral em Fortaleza

0
Pâmella Holanda foi denunciada por homofobia pelo ex-assessor. — Foto: Arquivo pessoal

Profissional divulgou áudios nos quais Pâmella usa expressões ofensivas contra a sexualidade dele. A influencer assumiu a autoria dos áudios, mas disse que as mensagens foram divulgadas fora de contexto.

O ex-assessor de Pâmella Holanda, ex-mulher do DJ Ivis, registrou um boletim de ocorrência contra a influencer pelos crimes de homofobia e assédio moral. Juan Patric divulgou áudios nas redes sociais nesta segunda-feira (2) nos quais Pâmella mostra-se exaltada por conta de um equipamento de trabalho que teria sido quebrado.

Nos áudios, Pâmella chama o ex-assessor de "gay" de maneira ofensiva e pede para que ele "honre o que tem entre as pernas". Ela assumiu a autoria dos áudios, mas afirmou que as mensagens foram divulgadas fora de contexto. Em um outro áudio, a influenciadora supostamente chama o ex-assessor de "veado".

"Trabalha direito, faz as coisas direito. Deixa de mi-mi-mi, deixa de drama. Eu sei que tu é gay e tudo mais, mas tenha postura de homem, Patric. Porque isso aqui não dá, não dá. As minhas coisas não é igual p******* de r******* não, macho, para tá em toda mão não", diz Pâmella em um dos áudios divulgados por Patric.

Também em postagem nas redes sociais, Patric disse que sente medo do que pode acontecer com ele e com a família após as denúncias contra Pâmella, mas que não poderia ficar falado diante dos fatos.

"Não foi e nem está sendo fácil trazer isso a público, pois compreendo que estou denunciando alguém por crimes graves e que poderá gerar consequências sérias para a minha vida pessoal e profissional. Essa decisão também foi difícil por se tratar de uma figura pública que certamente tem algum poder aquisitivo. Porém, mesmo com tudo isso em mente, mediante a esse fato, não posso me calar, e nem vou", disse.

Ação judicial

Pâmella divulgou uma nota assinada por seus advogados, onde afirma que "estão sendo adotadas todas as providências jurídicas, tanto de cunho penal como civil, em relação às graves acusações que demonstraremos ser inverídicas e colocadas deliberadamente fora de contexto". Eles afirmam ainda que o caso será tratado judicialmente.

Boletim de ocorrência

No boletim de ocorrência registrado em uma delegacia de Fortaleza, Patric afirma que Pâmella, depois de algum tempo que eles trabalhavam juntos, passou a se alterar sem motivo aparente, mudando de humor para impulsos agressivos verbais, e que ela passou a tratá-lo com falta de respeito e humilhações, principalmente com ofensas relacionadas a orientação sexual dele.

Patric afirma ainda que Pâmella o humilhava publicamente na frente de outras pessoas, como teria acontecido nos eventos Farofa da Gkay e Natal da Vila. Ele também denuncia ter sofrido violência sexual por parte do irmão da influenciadora.

Pâmella tem mais de dois milhões de seguidores nas redes sociais, e ganhou destaque após o caso de agressão que sofreu pelo ex-marido, o cantor e produtor musical Iverson de Souza Araújo, conhecido como DJ Ivis. Desde então, ela usa o próprio perfil para falar sobre direitos das mulheres e o combate à violência doméstica.

Por g1 CE

Postar um comentário

0Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Aceitar !) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !