Sobe para 34 o número de açudes sangrando no Ceará

0
 Açude Água Preta em Canindé Ceará está sangrando em 05/04/2022

Os quatro últimos que sangraram foram o Gangorra, em Granja, o Diamantino II, em Marco e o Jenipapo em Sobral todos localizados na Região Norte e o Maranguapinho, em Maranguape, na Grande Fortaleza.

O Ceará tem 34 açudes sangrando segundo informações da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh). Entre sábado (23) e domingo (24) sangraram o Gangorra, em Granja, o Diamantino II, em Marco, e o Jenipapo em Sobral todos localizados na Região Norte e o Maranguapinho, em Maranguape, na Grande Fortaleza.

O último reservatório a sangrar foi o Açude Frios, localizado no município de Umirim, na Região Norte. O reservatório faz parte da Bacia do Curu, com 33,2 milhões de m³. A última vez que ele havia sangrado foi em junho de 2020.

Ainda segundo a Cogerh, o estado tem 41 açudes com volume acima de 90%. Dentre eles estão o açude Aracoiaba com volume de 98,16%, Ayres de Sousa, em Sobral (97,77%), Araras, em Varjota (92,94%), Do Coronel, em Antonina do Norte (99,45%), São Domingos II, em Caririaçu (95,47%), e o Pacajus (91,18%).

Mesmo com as chuvas, os maiores açudes do Ceará seguem quase totalmente secos. O Castanhão, maior reservatório do país, tem atualmente 19,61% da sua capacidade, conforme a Cogerh; e o Orós, segundo maior do estado, 46,21%. Já o Banabuiú se encontra com 8,37%.

Por g1 CE

Postar um comentário

0Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Aceitar !) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !