Por unanimidade, Glêdson vence no TRE-CE recurso contra cassação de mandato

0
O então candidato Glêdson Bezerra, do Podemos, após votar no pleito que o elegeu, em 2020 (Foto: Diário do Nordeste)

A Corte julgou o embargo como desprovidos e desconhecidos, inexistindo qualquer omissão, contradição ou obscuridade na decisão

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) julgou na manhã desta segunda-feira (18), o recurso de cassação do prefeito de Juazeiro do Norte, Glêdson Bezerra (Podemos), e do seu vice, Giovanni Sampaio (PSD), além da inegibilidade do empresário Gilmar Bender. A Corte rejeitou, por unanimidade, o recurso.

A Corte negou, em agosto de 2021, a perda de mandato do prefeito e vice e a inelegibilidade dos três, determinada pela primeira instância em 30 de abril de 2021. Após a absolvição no TRE-CE, a acusação entrou com recurso através de um embargo.

Os dois processos em pauta foram analisados segundo acusação entre os atos que caracterizariam o abuso de poder econômico, como o uso indevido de helicóptero em campanha durante carreatas no dia 24 de outubro de 2020, não incluído em prestação de contas; a compra indevida de combustível, também no dia 24 de outubro de 2020, despesa não lançada na prestação de contas; assim como também o derrame de santinhos feito por helicóptero no dia 14 de novembro de 2020.

A Corte julgou o embargo como desprovidos e desconhecidos, inexistindo qualquer omissão, contradição ou obscuridade na decisão.

Reportagem de Yanne Vieira/Agência Miséria

Postar um comentário

0Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Aceitar !) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !