Polícia Civil realiza buscas na casa do vereador Márcio Joias; parlamentar foi afastado do cargo por 180 dias

0
Foto: Reprodução/Facebook

A "Operação Aurantium" tem o objetivo de desarticular uma organização criminosa envolvida em crimes de fraudes à licitação, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e uso de documento falso, ocorridos na cidade de Juazeiro do Norte, no período de 2019 a 2022.

A Polícia Civil do Estado do Ceará deflagrou, nas primeiras horas desta quarta-feira (20), a “Operação Aurantium” com o objetivo de desarticular uma organização criminosa envolvida em crimes de fraudes à licitação, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e uso de documento falso, ocorridos na cidade de Juazeiro do Norte, no período de 2019 a 2022.

Os crimes seriam praticados em coautoria com o vereador Márcio Joias, uma ex-servidora do município e também ex-vereadores por meio de empresa de fachada.

A empresa recebeu mais de R$ 4 milhões do município de Juazeiro do Norte, utilizando pessoas interpostas, conhecidas como “laranjas”, a fim de ocultar aquele que realmente a administrava.

Ao todo, 24 policiais civis cumpriram 19 mandados judiciais, sendo oito mandados de busca e apreensão, nove de sequestro criminal de bens para apreender veículos, imóveis, bloqueio de contas bancárias e fundos de investimento, um de afastamento cautelar de suspensão de exercício de mandato eletivo do vereador Márcio Joias por 180 dias e um de suspensão da atividade econômica e financeira em relação aos contratos da empresa com o poder público municipal.

As ordens judiciais foram expedidas pela Vara de Delitos de Organizações Criminosas e cumpridos nas cidades de Juazeiro do Norte e Tianguá, tendo como objetivo colher novos elementos de informação para finalização da investigação policial.

A investigação é realizada pela Delegacia de Combate à Corrupção – núcleo Cariri – do Departamento de Recuperação de Ativos (DRA) e apoio dos Departamentos de Polícia Judiciária do Interior Norte e Sul.

Além da casa do Márcio Joias, empresas e escritório ligados ao vereador foram também visitados pelos policiais. Uma coletiva de imprensa será realizada Coletiva as 10:30h desta quarta-feira (20), na sede da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Ordem Tributária – DOT e Departamento de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado – DECOR, para passar detalhes da operação.

O vereador Márcio Joias foi afastado de suas funções por 180 dias , em seu lugar deve assumir Testinha. O pedido de afastamento foi entregue ao Assessor Jurídico da casa, o Dr. Erivaldo Oliveira. O pedido de afastamento ainda impede o acesso do vereador Márcio a sede da Câmara, bem como o cancelamento de todas senhas e logins de acessos aos computadores, redes e sistemas da Câmara.

Postar um comentário

0Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Aceitar !) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !