Dois suspeitos do assassinato de escrivão na Grande Fortaleza são localizados, e um morre após confronto com a polícia

0
Edson Silva Macedo, de 41 anos, era escrivão da Polícia Civil do Ceará (PCCE)e foi morto por criminosos — Foto: Reprodução

Carlos Roberto Oliveira da Silva, conhecido como "Fazendeiro", trocou tiros com os policiais em Jaguaribe, onde foi encontrado. O outro homem foi preso em Caucaia.

Dois suspeitos de participação no assassinato de um escrivão da Polícia Civil em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, foram localizados nesta terça-feira (1º). Um dos homens foi preso no mesmo município onde ocorreu o crime. Já o outro entrou em confronto com os agentes e morreu após ser lesionado a bala.

Edson Silva Macedo foi assassinado a tiros dentro da própria residência em Caucaia no último dia 8 de janeiro. Outros seis suspeitos do crime foram capturados durante o último mês, e um deles foi liberado após passar por audiência de custódia.

Carlos Roberto Oliveira da Silva, de 18 anos, conhecido como “Fazendeiro”, foi o sétimo envolvido na morte do policial civil localizado. Ele foi encontrado no município de Jaguaruana. Durante o cumprimento do mandado de prisão em aberto, ele foi atingido pelos disparos da polícia. O jovem ainda foi conduzido para uma unidade hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Uma pistola e dois celulares foram apreendidos. As diligências seguem visando a captura de outros indivíduos. Carlos Roberto já possuía atos infracionais análogos aos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e roubo, de quando era adolescente.

Prisão do oitavo suspeito

José Fábio de Matos Jacinto, de 26 anos, também conhecido como “Fabinho”, é apontado como o oitavo participante do homicídio que vitimou o escrivão. Conforme levantamentos policiais, ele é responsável por ter comunicado aos executores o momento em que o agente de segurança pública entrou no imóvel. Em diligências continuadas, o alvo foi localizado em uma residência de Caucaia.

Após ser capturado, José Fábio foi conduzido para a sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa de Fortaleza (DHPP), onde o mandado de prisão preventiva foi cumprido contra ele. Agora, ele se encontra à disposição da Justiça. Com isso, sobe para oito o número de envolvidos capturados.

Por g1 CE

Postar um comentário

0Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Aceitar !) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !