Dez suspeitos são presos no golpe dos nudes. Em Porteiras (CE), homem quase cai no truque.

Foto: Ilustrativa

Já escutou falar no golpe do nudes? Veja como ele funciona: criminosos criam perfis falsos em rede social com fotos sensuais de garotas, que são chamadas por eles mesmos de “novinhas”, e passam a puxar conversas com homens em diversas redes sociais, inclusive salas de bate-papo, de vários locais do país, preferindo vítimas que aparentam ter alto poder aquisitivo.

Fazendo se passar pela garota, os bandidos informam um número de aplicativo de mensagem para a vítima e começam conversas eróticas, enviando fotos sensuais da suposta garota, para que o interlocutor também envie fotos suas. De posse das conversas e do material trocado com a vítima, os criminosos passam a extorquir o interlocutor, alegando que a menina é adolescente e que então ele teria praticado crime.

Diante das ameaças de que será processado judicialmente e de que o caso será levado ao conhecimento da polícia para que o homem seja preso, os criminosos exigem determinada quantia em dinheiro para “abafar o caso”.

A trama é orquestrada e algumas pessoas atuam como falsos pais da adolescente, outros como falsos advogados da família, tudo para fazer com que a vítima desembolse dinheiro para realização de um prometido acordo.

Você acha que isso não acontece perto de nós? Pois sim, acontece. Recentemente, no mês de outubro, um homem de Porteiras (CE), quase caiu nesse golpe, a pessoa que o Portal OKariri não irá identificar, mas garante que o caso é verdade chegou a tentar arrumar dinheiro emprestado na tentativa de ter o “caso abafado”. Acabou que ele foi alertado e, por sorte, não caiu no golpe. 

Não é raro saber de pessoas que caíram, o quase caíram nesse golpe, tome como exemplo o caso que aconteceu em Manga, no Norte de Minas um jovem, de 22 anos, acabou tirando a própria vida depois de cair no chamado “golpe do nudes”, praticado por criminosos por meio das redes sociais.

Operação “Imagem Revelada”

Na quarta-feira (17), a Polícia Civil do Rio Grande do Sul e a Polícia Civil de Santa Catarina deflagraram a Operação “Imagem Revelada”. A ação tem o objetivo de combater uma organização criminosa atuante em crimes de extorsão por meio eletrônico, que aplicava crimes conhecidos como sextorsão, ou golpe do nudes.

Durante a Operação, dez pessoas foram presas, além da apreensão de um veículo, documentos, celulares e aproximadamente R$60.000,00 reais em espécie, os quais foram encontrados, em sua maioria, dentro de urso de pelúcia na cidade de Cachoeirinha. A investigação foi capitaneada pela Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal (Dic/PCSC) de São Bento do Sul, e passou a contar com o apoio da Polícia Civil do Rio Grande do Sul, através da Delegacia de Repressão aos Crimes Informáticos (DRCID/Deic), já que todos os investigados são do Estado gaúcho.

Fonte: O Kariri

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !