Tiroteio em Juazeiro do Norte deixa um morto e um menor baleado

“Nininha” respondia procedimentos por crimes de tráfico de drogas (Foto: Reprodução/Redes sociais)

Adolescente era genro da vítima e saiu baleado na perna. Este foi o terceiro homicídio de outubro em Juazeiro e o 76º do ano no município.

Uma pessoa morreu e outra saiu baleada entre o final da tarde e início da noite desta quinta-feira no bairro Frei Damião em Juazeiro do Norte. Por volta das 17 horas José Denes Silva dos Santos, de 33 anos, que era apelidado por “Nininha”, foi alvejado a tiros numa casa na Rua Estudante José dos Santos Lopes. Já o seu genro o menor de iniciais I. D. M., de 17 anos, saiu baleado na perna e ambos foram socorridos ao Hospital Regional do Cariri, onde “Nininha” morreu uma hora depois.

Ele morava na Rua Joaquim Alexandre de Sousa (Frei Damião) e tinha várias passagens pela polícia. No dia 8 de junho de 2011 “Nininha” foi preso pela Polícia Federal com 2 Kg de cocaína na Praça da La Favorita, pois os agentes sabiam que o acusado iria repassar a droga a terceiros e até esperou os comparsas de Nininha. Como não apareceu ninguém e ele já se preparava para deixar o local, terminou sendo abordado e preso com a droga.

Já no dia 21 de outubro de 2015 voltou a ser preso e, dessa vez, pelo RAIO no bairro Frei Damião, onde coordenava uma “boca de fumo e os policiais encontraram 12 gramas de cocaína sobre o telhado do imóvel. No momento em que faziam as buscas foi arremessada uma sacola da casa vizinha com 12 trouxinhas de crack, 10 de cocaína e outras 12 de maconha. Na época prenderam ainda Maria do Carmo Mota Gomes da Silva, de 48 anos.

Este foi o terceiro homicídio de outubro em Juazeiro e o 76º do ano no município ou 55,5% em relação aos 137 assassinatos no decorrer do ano passado. O último deste mês tinha acontecido sexta-feira (15) quando Agatha Rebeca Cardoso Vieira, de 25 anos, que residia no Conjunto Minha Casa Minha Vida (Betolandia), foi morta a tiros por quatro homens encapuzados num Corolla na Rua Beata Maria de Araújo (João Cabral). A companheira dela Pabline Bezerra Soares, de 26 anos, saiu baleada.

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !