Homem morto no Cariri asfixiado sob sua cama durante assalto em Farias Brito

Raimundo foi morto por asfixia dentro de sua casa. (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Ele morava sozinho na Rua Aurélio Liberalino de Menezes no bairro Boa Vista

Um caso de latrocínio foi registrado no município de Farias Brito na região do Cariri. Por volta das 13 horas desta quinta-feira foi encontrado o corpo de Raimundo Bezerra da Silva, de 33 anos, debaixo da sua cama na casa onde morava sozinho na Rua Aurélio Liberalino de Menezes no bairro Boa Vista. O mesmo foi morto por asfixia visto que existia um fio amarrado no seu pescoço.

Ele ainda foi visto adentrando sua casa por volta das 23 horas desta quarta-feira e não mais saiu causou estranheza junto aos vizinhos e familiares. Raimundo já tinha trabalhado um tempo como comerciário, não respondia procedimentos criminais e, após a separação ficou morando sozinho

Tão logo foi informada sobre o achado do corpo, policiais militares do Destacamento de Farias Brito estiveram no local e passaram a diligenciar. Eles prenderam uma pessoa apelidada por “Paulistinha” após tomarem conhecimento que ele e outro identificado apenas por “Oseas” estiveram no conhecido Bar do Major tentando vender um ventilador, um celular e uma TV que pertenciam à vítima.

Este foi o segundo homicídio do mês de outubro em Farias Brito e o sexto do ano no município ou o dobro em relação aos três ali registrados no decorrer do ano passado. O outro deste mês tinha acontecido na tarde do último dia 3 no Sítio Grajau onde Fernandes Martins de Souza Júnior, de 12 anos, o “Pipiu” que ali residia, foi morto com um tiro pelo seu próprio primo Ismael Martins da Silva, de 19 anos, que se apresentou na Delegacia de Crato e responde em liberdade.

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !