Empresário acusado de integrar esquema que causou rombo de R$ 429 milhões ao Ceará é preso no Piauí

Legenda: A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) prendeu, na última terça-feira(26), o empresário Francisco José Timbó Farias - Foto: Divulgação/SSPDS

Foragido da Justiça, Timbó tinha quatro mandados de prisão em aberto

O empresário Francisco José Timbó Farias, acusado de integrar esquema de sonegação fiscal que causou rombo de R$ 429 milhões aos cofres públicos do Ceará, foi preso nesta terça-feira (26), em Teresina, no Piauí.

Foragido da Justiça desde 2017, ele tinha quatro mandados de prisão em aberto pelos crimes de sonegação fiscal, falsificação, estelionato e lavagem de dinheiro.

Timbó é o 16º preso na operação batizada de "Dissimulare", deflagrada ainda em 2017. O acusado foi encontrado após investigações da Delegacia de Combate  à Corrupção (Decor). Ele estava em um ponto comercial no centro da capital piauiense.  

Segundo a Polícia Civil do Estado (PC-CE), a prisão dele foi comunicada às autoridades do Piauí e, em breve, será apresentado à Justiça do Ceará. 

OPERAÇÃO DISSIMULARE

Legenda: Como funcionava o esquema que desviou milhões dos cofres públicos do Ceará - Foto: SSPDS - CE

Segundo a investigação, Timbó era um dos operadores da organização criminosa. O esquema utilizava dezenas de empresas de fachada para a aquisição de tecidos em outros estados, sem o recolhimento do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Conforme apuração do Ministério Público (MP), a organização criminosa atuava há mais de dez anos e muitos dos denunciados já respondem a outros processos por crimes da mesma natureza. 

Fonte: Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !