Casal acusado do tráfico em Juazeiro é preso com pistola e drogas

“Nego John” e “Vitória do João Cabral” foram presos no bairro Tiradentes (Foto: Reprodução)

Antes de serem capturados, eles abandonaram um carro no qual trafegavam e invadiram uma casa.

Um casal foi preso na manhã desta quarta-feira durante operação reunindo militares do RAIO, Força Tática e Policiamento Ostensivo Geral (POG) com o apoio da aeronave do Ciopar. Foi na Rua Santo Amâncio quando John Washington Calixto Pereira, de 22 anos, “Nego John” que mora no bairro Pio XII, e “Vitória do João Cabral” tentaram furar o cerco policial no bairro Tiradentes. Eles abandonaram um Fiat Siena de cor branca no qual trafegavam e invadiram uma casa, mas foram capturados.

Os dois são envolvidos com o tráfico de drogas, integram facção criminosa e “Nego John” é suspeito de participação nos assassinatos de Leilson Soares Barbosa, de 37, no domingo em Juazeiro, e Fábio da Silva Santos, de 39 anos, o “Fábio Calcinha”, na segunda-feira em Barbalha. Todavia, ele nega envolvimento em tais crimes. Com o casal os policiais apreenderam drogas, balança de precisão, material para embalar drogas e uma pistola municiada.

Drogas, balança e pistola apreendidos em poder do casal (Foto: Divulgação)

Recentemente, “Nego John” teria efetuado disparos no bairro João Cabral numa suposta intimidação a membros de facção oponente. Ele é acusado de crimes de assaltos, porte de arma, tráfico de drogas e latrocínio. Numa das primeiras prisões do “Nego John”, ele tinha acabado de completar 18 anos mais precisamente no dia 3 de maio de 2017 quando um PM à paisana evitou assalto num Cyber Café que funciona na Rua Otávio Aires perto do cruzamento com a Rua São Benedito no bairro Limoeiro.

Dois jovens chegaram armados anunciando assalto quando o dono do estabelecimento correu e foi perseguido por um dos acusados. Nesse momento, passava o Sargento Murilo que não foi atendido ao dar voz de prisão e atirou após um dos acusados efetuaram disparo na direção do policial. Nego John saiu lesionando no pé esquerdo e o seu comparsa fugiu. Na época, ele morava no bairro Timbaúbas e, antes de ser levado à delegacia, foi atendido na UPA Limoeiro.

Já no dia 25 de fevereiro de 2018 uma equipe do RAIO tentava apreender uma arma de fogo e terminou descobrindo uma “boca de fumo” na qual estava o “Nego John” e os policiais apreenderam 415 gramas de maconha no quarto do mesmo e mais três balanças de precisão. No imóvel estava ainda Caio Rodrigues que, também, foi levado à delegacia e terminou posto em liberdade na manhã seguinte quando terminou assassinado horas depois.

(Foto: Reprodução)
https://f5cariri.tumblr.com/post/666216011464376320
https://f5cariri.tumblr.com/post/666216663235133440
https://f5cariri.tumblr.com/post/666216210016452608

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !