98,21% das vagas para o programa CNH Popular 2021 já foram preenchidas

Legenda: Ao todo, foram disponibilizadas 25 mil vagas para o Ceará - Foto: Agência Brasil

A informação é do Departamento Estadual de Trânsito do Estado (Detran-CE)

O superintendente Departamento Estadual de Trânsito do Estado (Detran-CE), Maximiliano Quentino, informou que 98,21% das vagas para o programa Carteira Nacional de Habilitação (CNH) Popular já foram preenchidas em todo o Ceará. Ele afirmou que o sistema — que apresentou instabilidades — já foi normalizado. As informações foram dadas em live com o governador Camilo Santana (PT), na tarde desta terça-feira (19). 

A previsão é que as pessoas inscritas sejam chamadas já no próximo dia 28 de outubro. Nesta terça, as dificuldades de acesso ao serviço, afirmou, ocorrem somente devido à falta de vagas.  Em todo o Estado, foram 25 mil.

Segundo o Detran, todos os 184 municípios receberão a CNH Popular. No entanto, o número de oportunidades será proporcional à população de cada. Em Fortaleza, serão 5 mil vagas.

Para o Interior, foi estabelecido o quantitativo de uma habilitação para cada 326 habitantes, totalizando 20 mil vagas para 183 municípios cearenses.

COBRANÇA DO GOVERNADOR

Durante transmissão ao vivo, nesta terça-feira (19), o governador Camilo Santana (PT) recebeu reclamações de internautas sobre a dificuldade de acesso ao serviço. 

Legenda: As informações foram dadas em transmissão ao vivo, nesta terça-feira (19), nos perfis oficiais do governador - Foto: Reprodução

“Muita gente reclamando sobre o site da CNH popular. Vou mais uma vez cobrar do Max (superintendente do Detran)", falou na live. "Se quiser ligar já para saber qual o motivo, sei que a procura foi enorme, mas vou verificar o problema no site”, disse à equipe. 

Cerca de três minutos depois, Camilo fala com Maximiliano por telefone e aciona o recurso de viva-voz. "Max, qual o problema, tem muita gente reclamando do site do Detran sobre o CNH popular. Tô no viva-voz aqui", avisa. 

O superintendente responde: "Tivemos uma demanda muito grande, nosso sistema passou por instabilidades, mas ele foi normalizado, tanto que, hoje, temos 98,21% das vagas preenchidas”, iniciou.

“As inscrições já estão neste patamar. Então, temos pouquíssimas vagas. O que acontece é que a população está procurando em municípios que não têm mais", explicou. 

Matéria em atualização

Fonte: Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !