Áudio vazado nas redes sociais aponta sumiço de vacina em Várzea Alegre

Foto: Divulgação

O áudio de uma agente de saúde aponta supostas irregularidades no Centro de Assistência Integrado à Saúde da Família (CAIS), referentes as vacinas.

O prefeito de Várzea Alegre, Zé Helder, foi tirado da sua zona de conforto administrativo na última semana. Nas redes sociais, o áudio de uma agente de saúde do município tem tirado o sono do prefeito reeleito com uma certa facilidade. O áudio, cujo a autoria é mantida em sigilo, aponta supostas irregularidades no Centro de Assistência Integrado à Saúde da Família (CAIS), referentes as vacinas.

Segundo a denunciante, existem casos de sumiço de vacina, posto com geladeira aberta motivando a perda dos imunizantes e negação de informações para a população. A agente avalia o serviço de vacinação como desorganizada.

Depois do vazamento do áudio, a agente acusa perseguição no local de trabalho. A denúncia deve chegar ao Ministério Público do Estado para aprofundamento. Mesmo antes de chegar ao conhecimento dos promotores, a pressão sobre Zé Helder é muito grande.

Reportagem de Madson Vagner/É-Política

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !