Morre no Cariri mais um jovem militar vítima da Covid

Soldado Welton Inácio estava morando há três meses em Barbalha (Arquivo pessoal)

Ele estava internado há 33 dias desde que testou positivo para a doença. O corpo do PM foi sepultado na tarde desta segunda-feira no Cemitério de Cedro (PE), onde nasceu.

O Soldado Welton Inácio, de 31 anos, que era lotado na 2ª Companhia do 2º BPM (Batalhão Policial Militar) com sede em Barbalha morreu por volta das 9 horas desta segunda-feira num dos leitos de UTI do Hospital Santo Antônio naquele município. Foi mais uma vítima de complicações decorrentes da Covid-19 na região do Cariri o qual estava internado há 33 dias desde que testou positivo para a doença. Nos últimos dias esteve entubado em virtude de problemas respiratórios.

O corpo do Soldado PM Welton Inácio foi sepultado na tarde desta segunda-feira no Cemitério de Cedro (PE), onde nasceu. Há seis anos o mesmo tinha ingressado nos quadros da Polícia Militar cearense e passou a morar em Barbalha este há três meses. O Comandante em Exercício da Companhia de Barbalha, Tenente Henoch, lamentou a morte do colega de farda para quem era um dedicado profissional da área de segurança pública que atuou em diversas operações de combate à criminalidade no Cariri

No último dia 3 de junho um integrante da mesma equipe de Welton já tinha morrido em consequência do coronavirus em Barbalha. Apesar da luta do Sargento Brito e o esforço da equipe médica, ele não conseguiu vencer a Covid. Já neste domingo morreu o Soldado do Corpo de Bombeiros Edicleytson Perinks de Almeida, de 36 anos num dos hospitais de Juazeiro igualmente por conta da Covid. Este era acadêmico de Medicina e teve o corpo sepultado no Cemitério Parque Anjo da Guarda.

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !