Icó tem 100% de leitos de UTI lotados desde início de maio

Legenda: Atendimento na nova unidade de atendimento a pacientes com Covid-19 em Icó - Foto: Wandenberg Belém

Mediante o cenário de crescimento de casos e de internação, o município abriu nova unidade de atendimento e dobrou número de enfermarias, de 32 para 64 leitos

A cidade de Icó, na região Centro-Sul do Ceará, assistiu à alta de casos e de óbitos após infecção de Covid-19 no decorrer deste último mês de maio. Foram registrados 19 óbitos e os dez leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 32 de enfermaria destinados para pacientes Covid-19 permaneceram com taxa de 100% de ocupação. Os dados são da plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).

Mediante esse cenário, considerado preocupante, o município decidiu dobrar o número de leitos de enfermaria para 64 e abrir uma nova unidade destinada para realização de testes e consultas, além de dispor de ambulatório médico e de enfermagem. Após três dias de funcionamento, cerca de 400 pesosas já foram atendidas.

A situação permanece muito preocupante porque os casos continuam surgindo e a superlotação da UTI e da enfermaria persiste”

MARCOS BARRETO

Secretário de Saúde do município

Barreto foi incisivo: “Infelizmente, a situação não está cedendo e precisamos do apoio de todos, da população a fim de que adotem as medidas preventivas contra o novo coronavírus”.   

Na semana passada, todos os 10 pacientes da UTI estavam intubados, mas nesta quarta-feira (2) esse número caiu para quatro. “Isso reflete a gravidade da doença, pois temos um jovem de 23 anos intubado e um idoso de 92 anos de idade”, frisou Barreto.  

Recentemente, empresários locais por meio de uma campanha da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Icó fizeram a doação de capacetes Elmo e de máscaras VNI, que ajudam na ventilação mecânica dos pacientes, evitando em 60% dos casos o procedimento de intubação.

Para Ramon Figueiredo, diretor do Hospital Regional de Icó, a alta demanda de pacientes graves impacta o sistema local que “está saturado”. Ele disse que vê a iniciativa de abertura de uma nova unidade como a possibilidade de “desafogar o atendimento do anexo Covid e de transferir para outro local a busca por consulta, evitando a contaminação cruzada”.

Figueiredo reforçou o apelo à população para que adote medidas preventivas e lembrou que “quando surgirem os primeiros sintomas da doença, as pessoas devem buscar o atendimento para fazer o teste rápido e ficar isolados, evitando possível contágio, se for um caso positivo”.

Ionara de Souza, agente administrativa, foi uma das moradoras atendidas no fim da manhã desta quarta-feira (2) na nova unidade. “Estou com tosse, mal estar e ânsia de vômito”, contou. Após consulta, aguardava com ansiedade o resultado do teste. “A gente fica preocupada, com medo de ter a doença, se agravar e até morrer, embora a maioria não chega a óbito”.

Legenda: De acordo com o IntegraSus, o município de Icó registra desde o início da pandemia, 6026 casos de Covid-19 e 94 óbitos pela doença - Foto: Wandenberg Belém

EPIDEMIOLOGIA

De acordo com o IntegraSus, o município de Icó registra desde o início da pandemia, 6026 casos de Covid-19 e 94 óbitos pela doença. Em 2020, foram observados 2872 casos confirmados e 49 óbitos. Nos seis primeiros meses deste ano, foram 3154 casos positivos e 50 óbitos.

No mês de março, passado, Icó registrou 418 casos positivos e 14 óbitos. Em abril, foram 869 casos de Covid-19 e oito óbitos. Em maio último, os números saltaram para 1085 casos confirmados e 19 mortes pela doença.  

Escrito por Honório Barbosa/Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !