Suspeito de estuprar prima há pelo menos três anos é preso em Santana do Cariri


Foto: Reprodução/PCCE

Equipes da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) prenderam um homem de 20 anos suspeito de cometer estupro de vulnerável contra a própria prima, uma criança de 12 anos. A prisão aconteceu nesta sexta-feira (21). O crime ocorreu na região rural de Santana do Cariri – Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19) do Estado. Conforme as investigações, o delito ocorria há pelo menos três anos.

O pai da vítima, de 35 anos, e o primo, de 20, praticavam os estupros desde que a menina tinha nove anos. O pai aproveitava a ausência da companheira para cometer o delito, segundo levantamentos feitos pelos investigadores com o intuito de elucidar o caso.

O primo também aproveitava a ausência de familiares da vítima para praticar o delito. Após denúncias de populares da região, a equipe de policiais civis tomaram conhecimento do fato e iniciaram as diligências em abril para reunir material comprobatório e capturar os homens. Com isso, a PCCE representou pelos mandados de prisão preventiva contra os suspeitos.

Após a captura do primo, ele foi encaminhado para a unidade policial, onde foram realizados os procedimentos cabíveis à prisão. Diligências seguem em andamento visando capturar o pai da vítima.

Denúncias

https://f5cariri.tumblr.com/post/651899444182351872/primo-e-pai-s%C3%A3o-suspeitos-de-estuprar-menina-de-12

A população pode sempre contribuir repassando informações que possam auxiliar os trabalhos policiais na região. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS); ou ainda para o número (88) 3102-1285, da Delegacia Regional do Crato. O sigilo e o anonimato são garantidos.

As identificações dos suspeitos não foram publicadas neste texto para não expor a vítima.

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !