Exilado há dois anos, Jean Wyllys resolve sair do Psol e se filiar ao PT

Jean Wyllys desistiu de assumir seu terceiro mandato, em 2019. (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

A intenção do ex-parlamentar é ajudar a criar uma frente democrática capaz de derrotar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no pleito do ano que vem. Ele diz que não pretende voltar a concorrer a um cargo eletivo

O ex-deputado federal Jean Wyllys decidiu sair do Partido Socialismo e Liberdade (Psol) e se filiar ao Partido dos Trabalhadores (PT). A mudança deve acontecer em cerimônia virtual na próxima segunda-feira, 24, com presença de importantes personalidades políticas, como os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff e da deputada Marisa Matias, do Parlamento Europeu. A informação foi divulgada em entrevista à revista Veja.

Vivendo exilado na Europa há mais de dois anos, Jean explicou que a decisão foi para contribuir para a formação de uma frente democrática. “As pesquisas apontam que Lula é o único capaz de tirar Bolsonaro do poder”, ponderou. Ele defende que não pretende se candidatar a um novo cargo eletivo e nem pretende ser nomeado para um cargo no governo, caso Lula vença a eleição.

As intenções do futuro petista é ajudar a desenvolver um programa de governo comprometido com a agenda econômica sustentável, a defesa dos Direitos Humanos e o combate à disseminação de informações falsas. Atualmente, se dedica ao doutorado em Ciências Políticas pela Universidade de Barcelona, custeado pela fundação Open Society.

Sua volta ao Brasil, conforme explica, está condicionada à garantia da segurança de sua integridade física. “Fui obrigado a deixar o país porque a Marielle, minha amiga e companheira de partido que vivia na mesma cidade que eu, foi executada sem receber uma ameaça de morte sequer e eu tinha várias delas”, disse à Veja.

Fonte: O Povo Online

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !