Chuva de meteoros poderá ser vista no Ceará na madrugada desta quinta; saiba como observar

A chuva de meteoros é resultado dos rastros deixados pelo cometa Halley quando passou pela Terra há 35 anos. — Foto: Arquivo pessoal/Nivardo Melo

Pico da chuva de meteoros Eta Aquáridas acontece a partir das 2h da manhã e segue até os momentos que antecedem o nascer do sol.

Uma chuva de meteoros poderá ser vista no céu do Ceará a partir das 2 horas da madrugada desta quinta-feira (6) até as primeiras horas que antecedem o nascer do sol. Chamada de Eta Aquáridas, a chuva é formada de resquícios do cometa Halley deixados durante sua passagem pela Terra há 35 anos.

Segundo o professor de astronomia do Colégio Militar do Corpo de Bombeiros do Ceará Escritora Rachel de Queiroz (CMCB), tenente Romário Fernandes, a chuva ocorre quando a gravidade da Terra atrai detritos do cometa Halley que acabam se desintegrando na atmosfera e originando os “riscos luminosos” conhecidos como meteoros.

"A travessia da Terra pelo rastro de detritos deixado pelo Halley já dura vários dias. Contudo anualmente o momento específico em que você consegue ver uma maior quantidade de meteoros por hora é agora na madrugada de quarta para quinta, quando ocorre o pico da chuva, momento em que a Terra está passando por um trecho desse rastro do cometa densamente povoado, fazendo com que seja possível ver algo em torno de 30 a 40 meteoros por hora em boas condições de visibilidade", explica.

Visíveis a olho nu

Romário Fernandes ressalta que a observação da chuva de meteoros pode ser feita a olho nu, sem necessidade de equipamentos como binóculo ou telescópio. Além disso, a observação pode ser vista em qualquer ponto do Ceará, contanto que seja longe de centros urbanos como Fortaleza, Juazeiro do Norte e Sobral.

"É preciso que o observador esteja de preferência em pontos afastados das luzes da cidade, prédios, árvores ou montanhas, pois quanto mais escuro o céu, melhor. Se possível, a pessoa pode até ficar deitada em uma cadeira reclinável para não cansar ou evitar dores na região do pescoço", conclui.

Por G1 CE

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !