Pai é preso no Cariri acusado de estuprar a filha de 18 anos em Várzea Alegre

Procedimento foi remetido à Delegacia de Várzea Alegre após autuação na DRPC de Iguatu (Reprodução)

Uma mulher recorreu a militares da Companhia de Várzea Alegre para denunciar o seu companheiro, afirmando que sua filha lhe teria revelado os abusos.

Um homem foi preso na noite desta quarta-feira sob acusação de estuprar sua própria filha de apenas 18 anos. Por volta das 19 horas uma mulher recorreu a militares da Companhia de Várzea Alegre para denunciar o seu companheiro, afirmando que na tarde de ontem sua filha lhe teria feito uma triste revelação. Segundo a confissão, o seu pai teria mantido relações sexuais com a mesma.

Imediatamente, uma patrulha da PM saiu em diligências à procura do acusado após os militares conversarem com a vítima que voltou a narrar tudo em detalhes citando até ameaças sofridas. Não tão distante da residência do casal, ele foi localizado quando se apressou em negar as denúncias. O acusado, mãe e filha foram apresentados ao delegado plantonista de Iguatu. O procedimento foi acompanhado de perto por membros do Conselho Tutelar e será remetido à Delegacia de Várzea Alegre.

O homem terminou autuado pela autoridade policial e vai responder por crime de estupro. A reportagem do Site Miséria evitou divulgar local do fato e nomes do acusado e denunciante para preservar a identidade da vítima, a fim de que a mesma não passe por constrangimentos ainda maiores. O procedimento vai tramitar em segredo de justiça na Comarca de Várzea Alegre.

INJURIA RACIAL – Por outro lado, uma patrulha do Policiamento Ostensivo Geral (POG) esteve na Rua Odilon Gomes (Tiradentes) em Juazeiro para atender ocorrência de agressão e perturbação. O jovem Francisco Ygor, de 26 anos, apresentava sinais de embriaguez e estava violento. Segundo um homem de 43 anos, ali residente, o rapaz o ameaçou de morte após uma série de palavras de baixo calão e até injúria racial. Inclusive, Ygor chegou a desacatar os PMs também com palavras de baixo calão.

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !