Morreram mais pessoas por Covid-19 no Triângulo Crajubar do que em 75 países

Foto: Guto Vital/Agência Miséria

O Brasil tem o segundo maior número de mortes por milhão de habitantes do Mundo, com 1.641 óbitos, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, com 1.686.

O Triângulo Crajubar, constituído pelos municípios de Barbalha, Crato e Juazeiro do Norte, concentra o maior aglomerado urbano do interior do Ceará, somando pouco mais de 470 mil habitantes, segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

De acordo com os últimos boletins epidemiológicos divulgados pelas secretarias municipais de saúde dos três municípios, Juazeiro do Norte já soma 430 óbitos pela doença, Crato 143 e Barbalha 87. Totalizando 660.

O número de óbitos registrado no Triângulo Crajubar é maior do que o contabilizado oficialmente em 75 países ao redor do globo, como Angola (550), Cuba (453), Tailândia (97) e Nova Zelândia (26), por exemplo.

Se fosse um país, o aglomerado urbano só ficaria atrás da Jamaica que já soma oficialmente 669 mortes pela Covid-19. Os dados são do monitoramento realizado pela Johns Hopkins University, de Baltimore, Estados Unidos.

Em número de casos de infecções pela Covid-19 registradas oficialmente, Barbalha, Crato e Juazeiro do Norte, segundo os seus respectivos últimos boletins municipais, já somam 36.263 confirmações. O número é maior do que o registrado em países como Austrália (29.405), Síria (20.118), Somália (12.271) e Vietnã (2.693), por exemplo, de acordo com o mesmo monitoramento da Johns Hopkins University, atualizado neste domingo (11).

Alan Clyverton/Agência Miséria

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !