Mais de 7 mil policiais do Ceará já foram afastados devido à Covid-19; 18 morreram

Foto: Reprodução/@policiamilitardoceara

Todas as mortes aconteceram entre policiais militares.

O Ceará registrou 7.488 policiais civis e militares afastados devido à Covid-19, desde o início da pandemia, em março de 2020. Destes, 18 — todos militares — morreram por conta da doença. Ao todo, o estado tem 24.410 agentes, ou seja, 30,68% do efetivo policial cearense já foi prejudicado pelo coronavírus.

Os dados foram levantados pelo G1 por meio de Lei de Acesso à Informação (LAI) e por solicitação às polícias Civil e Militar e Secretarias da Segurança Pública dos estados.

O cenário é mais grave entre os policiais militares, agentes que participam efetivamente de fiscalizações para cumprimento do decreto estadual, bem como, os outros deveres do policiamento nas ruas do estado.

Vacinação de policiais

O Ceará passou a vacinar agentes de segurança e forças de salvamento no dia 1º de abril deste ano. O primeiro município que começou a imunizar esta categoria foi Sobral, na região norte. Entre os vacinados, estão policiais militares, civis e da Guarda Municipal.

Covid-19 em policiais do Ceará
AfastadosMortosEfetivo% de afastados
Civis71103.60119,74
Militares6.7771820.80932,57

Até esta quinta-feira (22), o Ceará aplicou 5.590 doses da CoronaVac em profissionais das forças de segurança e 280 doses da Astrazeneca em profissionais do sistema prisional. Todo o quantitativo foi para as primeiras doses da imunização.

A maioria dos municípios cearenses já adotou a imunização dos profissionais de segurança como grupo prioritário, desde que Sobral começou esse processo. Até esta quinta, apenas 10 governos municipais (veja abaixo) informaram não ter vacinado nenhum membro desta categoria, de acordo com o Vacinômetro da Secretaria da Saúde do estado (Sesa); são eles:

  • Acarape
  • Catarina
  • Choró
  • Deputado Irapuan Pinheiro
  • Frecheirinha
  • Ibaretama
  • Ibicuitinga
  • Itapiúna
  • Paramoti
  • Saboeiro

A meta estipulada pela Sesa é vacinar 20.865 agentes de segurança. Com este objetivo, já foram distribuídas 5.890 doses para este público.

Cenário nacional

Em todo país, 465 agentes foram a óbito devido ao novo coronavírus. A quantidade de óbitos pela doença é mais que o dobro do número de agentes assassinados em 2020, segundo o levantamento.

Os estados com mais policiais mortos pela Covid-19 foram Rio de Janeiro (65), Amazonas (50) e Pará (49).

Por conta da doença, 126.154 policiais foram afastados da função em algum momento, o que representa 25% do total do efetivo no país.

Tocantins foi o estado com o maior percentual de afastamentos pela doença, com 38% do total.

Por G1 CE

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !