Fim de semana no Cariri com três homicídios em Juazeiro e Crato

“Pitoim” foi morto a tiros em Juazeiro e “Seu João” em Crato (Reprodução)

Segundo levantamento feito pela editoria de polícia do Site Miséria, um assassinato aconteceu na tarde de sábado e outros dois na noite deste domingo.

Se manteve em três o número de mortes violentas na comparação entre os dois últimos finais de semana na região do Cariri. Nesse foram três homicídios com dois deles em Juazeiro e outro no município de Crato. Segundo levantamento feito pela editoria de polícia do Site Miséria, um assassinato aconteceu na tarde de sábado e outros dois na noite deste domingo.

Às 14h30min de sábado o agricultor Cícero Lourenço dos Santos, de 49 anos, o “Vapalá”, que residia no Sítio Tabuleiro da Sagrada Família em Juazeiro, foi morto a golpes de picareta pelo seu próprio cunhado Francisco Soares de Paula, de 57 anos, o “Anum”, morador da mesma localidade. O criminoso foi preso e já está à disposição da justiça. A vítima respondia ameaça e violência doméstica, enquanto o acusado já tinha tentado matar o seu próprio filho em 2011 e um agricultor em 2016 na Rua Antonio Cruz de Macedo na Palmeirinha.

Por volta das 20 horas o cobrador Antonio Maxuel Alves Freire, de 29 anos, o “Pitoim”, foi morto a tiros em frente à sua casa na Rua Virgínia de Mendonça (João Cabral) em Juazeiro. Desde o ano de 2015 ele respondia por crime de violência doméstica em Juazeiro. Este foi o primeiro homicídio do mês de abril no João Cabral e o segundo do ano naquele bairro que liderou o número de homicídios no Juazeiro em sete dos últimos 11 anos.

Cerca de uma hora e meia depois, ainda no domingo, João Queiroz da Silva, de 60 anos, que era conhecido por “Seu João” e residia na Rua Saturnino Candeia (Bairro Alto da Penha) em Crato, foi morto a tiros em frente à sua casa. Ele figurava em procedimento como testemunha de homicídio em Crato e a polícia não obteve informações sobre a autoria delitiva no quarto homicídio de abril em Crato e o 20º do ano no município.

Reportagem de Demontier Tenório/Agência Miséria

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

buttons=(Accept !) days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Saber mais
Accept !